Início Colunas Nota Oficial – Contas de 2016

Nota Oficial – Contas de 2016

Nota Oficial

RECEITAS DO VASCO CRESCEM, DÍVIDAS DIMINUEM MAS AINDA PRESSIONAM BALANÇO DO CLUBE

Pelo segundo ano consecutivo, as receitas do Vasco cresceram e o balanço do clube mostra que o trabalho para a diminuição da dívida ainda exige um grande esforço para alcançar um equilíbrio necessário.

Alguns pontos merecem ser destacados:

1 – As receitas chegaram a 213 milhões de reais em 2016 contra 189 milhões de reais em 2015 e 129 milhões de reais em 2014.

2 – O superavit do exercício alcançou 11,9 milhões de reais, o que contribuiu novamente para a melhora do patrimônio líquido do clube.

3 – Os direitos de transmissão de TV chegaram a 165 milhões de reais em 2016 contra 104 milhões de reais em 2015. Vale ressaltar que foram lançados exclusivamente recursos que entraram no caixa do clube e não pagamentos futuros por contratos já assinados.

4 – O passivo do Vasco também voltou a diminuir fechando no ano passado em 559 milhões de reais contra 579 milhões de reais em 2015 e 688 milhões de reais em 2014, último ano da administração anterior.

5 – O patrimônio líquido também melhorou ficando negativo em 289 milhões de reais em 2016 contra um negativo de 301 milhões de reais em 2015 e 366 milhões de reais em 2014.

Em resumo, em meio a um quadro de crise econômica no Brasil, a administração do Vasco conseguiu em 2016 combinar o aumento de receita com a redução da dívida. Mesmo assim, o quadro social deve saber que a situação ainda exige sacrifícios para devolver ao clube a tranquilidade de planejamento.

O clube recebido no fim de 2014 estava a beira da insolvência e, hoje, pode apresentar um resultado que mostra efetivamente um processo de recuperação que ainda terá etapas pela frente.

Eurico Miranda
Presidente

Fonte: Site oficial do Vasco

5 comentários

  1. O Vasco, o sr. Eurico Miranda, o CASACA e os vascaínos de verdade não MENTEM.

    São objetivos, claros e confiáveis.

    Acontecem que os que odeiam e trabalham contra o Vasco não estão acostumados com procedimentos éticos e fiéis. Há alguns, raros, que o fazem por má fé, ou sacanagem como queiram. E começam a emitir opiniões que só servem para jogar na lata de lixo.

    Continue assim presidente. Nós confiamos, apoiamos e estamos torcendo que a restauração do Vasco continue.

  2. Isso é que é administração responsável, efetiva, confiável e que dá resultados extraordinários como o apresentado aqui pelo Vasco e seu presidente Eurico Miranda. O Vasco foi encontrado arrasado pelos amarelos.

  3. Confio na capacidade do Eurico em fazer do Vasco um time conquistador novamente. Este ano queremos alcançar a Libertadores. É promessa do Euricão! Vamos nos mobilizar para apoiar o time dentro e fora de casa. Chega de roermos o osso. É hora do Vasco voltar a disputar competições internacionais. Com 3 a 4 reforços qualificados , vamos brigar lá em cima.

  4. As contas aqui apresentadas são um dos motivos pelos quais eu defendo a gestão Eurico Miranda 2014/2017 e, diante do quadro que se apresenta até o momento (Eurico Miranda x Alexandre Campello), é um dos motivos que me fazem defender a continuidade desta gestão por mais três anos.

    Outros motivos são a recuperação do patrimônio (colégio, parque aquático, ginásio, gramado, campo anexo, CAPRRES etc), resgate de esportes olímpicos (remo, ginástica, basquete etc), mostrando que o Vasco da Gama não é apenas um time de futebol, mas um clube poliesportivo, salários em dia, comprometimento com as finanças e o nome do clube, o passado vitorioso e de quem sempre pôs a cara para bater em prol do Vasco, de quem se pôs contra “ídolos” para estar a favor do clube, de quem se pôs contra a mídia para estar a favor do clube.

    O que me deixa muito triste é o fraco desempenho do time de futebol, algo que já acontece de forma ininterrupta desde 2012, quando batemos o recorde de rodadas no G4, mas terminamos fora dele. Eu também tinha um pensamento contra os diretores executivos (Rodrigos Caetanos da vida), que, para melhorarem seu nome como grandes “diretores”, contratam a torto e a direito sem saber como pagar e depois vão para outro clube que paga mais, porém o nosso departamento de futebol está muito fraco: o nosso time está parecendo o depósito de lixo dos outros com vários atletas que vêm e não rendem nada ganhando bons salários.

    O Vasco precisa de gente competente também no futebol. A parte administrativa está muito boa, mas o Vasco tem que melhorar seu carro-chefe, o que ajudará e muito nos outros aspectos.

Responder