Início Futebol Confira a íntegra da entrevista coletiva de Cristóvão após Santos-AP 0 x...

Confira a íntegra da entrevista coletiva de Cristóvão após Santos-AP 0 x 2 Vasco

8

Além dos dois gols de pênalti marcados por Nenê na vitória por 2 a 0 sobre o Santos-AP, nesta quinta-feira, na Arena das Dunas, o Vasco criou uma grande quantidade de oportunidades de ampliar, mas desperdiçou. Apesar disso, o técnico Cristóvão Borges disse ter ficado satisfeito, já que tinha como principal objetivo tornar seu time mais criativo na parte ofensiva.

– O importante é a criação. Bastante importante. Por outro lado, concluímos pouco pela quantidade de jogadas que criamos. Independentemente do adversário, nossa equipe se portou bem, mostrou volume de jogo, movimentação. Era o que eu mais queria. Mostramos isso. Gostei.

O próximo adversário do Vasco na segunda fase da Copa do Brasil sairá do confronto entre Fast-AM e Vila Nova, que se enfrentam na próxima quinta-feira, na Arena da Amazônia. No próximo domingo, a equipe cruz-maltina volta a entrar em campo pelo Carioca. O adversário será o Volta Redonda, no Raulino de Oliveira.

Confira a íntegra da coletiva de Cristóvão Borges:

Kelvin e Gilberto

Eles não se conheciam, mas o Kelvin é um canhoto que gosta de jogar pelo lado direito. Nos primeiros treinos eles fizeram juntos por aquele lado e treinaram muito bem. Por isso, coloquei os dois juntos. E eles repetiram no jogo.

Jean

Estava comigo no Corinthians. Conheço bem. É um jogador que supre bastante aquilo que precisamos. Dá melhor proteção na defesa e consistência. A equipe tem ficado mais sólida naquele setor do campo.

Contratação de Manga Escobar

É um jogador muito rápido, atua bastante pelo lado do campo. Tem velocidade. A gente está procurando ter opções. Temos jogadores de referência e também, como opção de jogo, uma mudança de característica quando necessitarmos de velocidade.

Teste com Muriqui centralizado

Ele está voltando agora depois de um período de contusão. Se eu colocasse ele no lado, teria uma função tática que ia exigir muito dele, poderia ser um risco. Ao mesmo tempo, ele se movimenta bem, e nos treinos tenho usado dele um pouco assim. Queria experimentar, porque nossa equipe ia ficar mais rápida. Queria ver o ataque sem referência.

Prazo curto de inscrição

Temos essa dificuldade. Acho que é o único campeonato que fecha tão rápido. Se isso pudesse ser prolongado, seria benéfico para o campeonato. Tomara que de alguma forma isso aconteça. O tempo foi muito curto, por isso dificultou a nossa intenção de contratar outros jogadores.

Fonte: GloboEsporte.com

8 comentários

  1. Tenho sérias criticas e desconfio bastante do trabalho do Cristóvão, porem, nessa partida ele escalou e substituiu o time Muito bem, só de ver o Bruno Gallo e Jean na frente da zaga já me fez elogia o Cristóvão com meus familiares que viam o jogo comigo. O time jogou maravilhosamente bem, claro, lembrando que o Santo AP não era lá essas coisas, mas podemos ver que a diminuição da media de idade e a mescla de jovens e experientes no time titular surtiu efeito imediato, o time voou em campo, Pikachu, Guilherme, Jean, Thalles, Nenê e mais pra frente Melvin(que jogou demais) e Muriqui, deu pra perceber que o elenco ta ficando MUITO interessante. Eu critico quando tem que criticar, mas elogio quando tenho que elogiar, com esse elenco e com os jogadores que estão chegando, o Vasco Briga pelo Carioca e Copa do Brasil como favoritissimo. Minha única ressalva é de que o Rodrigo não deva ser titular, acho que precisamos trazer um zagueiro que de mais segurança que o Rodrigo, de resto o time ficou muito bom.

  2. A Equipe vem em uma CRESCENTE ASCENDENTE e é isso que IMPORTA.

    Não dá para avaliar o adversário sem menosprezar o Santos de Amapá, apesar de ser uma equipe desconhecida, mas não se classificou para essa competição por acaso.

    O maior adversário nosso é o curto espaço de tempo, com jogos um em cima do outro, disputados por duas competições diferentes, com o calendário apertado, e no domingo o nosso time vai entrar em campo como visitante, e com isso, somos obrigados a driblar o cansaço, desgaste físico das viagens exaustivas e assim que desembarcar no Aeroporto de Galeão, precisa se deslocar pra Volta Redonda com duas partidas fora de casa.

    Todos os jogadores e a Comissão Técnica estão de PARABÉNS, e estão se DOANDO, dentro e fora do campo e posso falar que VALEU a pena ACORDAR CEDO por aqui pra acompanhar o nosso AMADO VASCO da GAMA !

  3. Apesar do adversário ser muito fraco, a equipe apresentou volume de jogo, marcando no campo do adversário, já contra o Resende a equipe já tinha apresentado uma melhor postura, com jogadores mais agrupado, coisa que não vinha acontecendo desde o ano passado…

  4. A partir da entrada de Gilberto em campo o time foi envolvente e teve varias chances de gols. Sabendo que Kelvin e Muriqui ja davam uma dinamica diferente no jogo. Jean nao brinca em servico , vai na jogada como alguem que esta com fome , Veja a diferenca agora na protecao a zaga. Logo os torcedores comecarao a elogiar de novo no zaga.

  5. Fiquei impressionado coma estréia de Gilberto. Simplesmente espetacular. Rapidamente dinamizou o lado direito e o esquerdo automaticamente melhorou muito.
    Outro que está encantando os vascaínos é o Jean. Era o jogador que queríamos por ali.
    Esse Kelvin aprovou inteiramente. Que show de bola, colocação brilhante.

    O Alan com jogadores assim começou a desabrochar.

    Parabéns Vasco, Eurico, CASACA pelas contratações até agora.

  6. – SUGESTÃO DE TIME TITULAR no esquema 4-4-2 (adotado pelo Cristóvão) de acordo com o elenco atual:

    Martin Silva; Gilberto, Luan, Rodrigo, Henrique; Jean, Douglas, Nenê, Wagner; Muriqui e Kelvin.

    – SUGESTÃO DE TIME RESERVA IMEDIATO:

    Jordi; Pikachu, Rafael Marques, Jomar, Alan; Marcelo Mattos, Bruno Gallo, Evander, Escudeiro; Éderson e Tales.

    OBS: Não é um time para postular o título brasileiro, mas ao menos permitiria ao Vasco fazer um bom papel na primeira divisão. Os jogadores não citados apenas comporiam o elenco.

    OBS: Nunca vi o Escobar jogando, portanto, não o escalarei nessa sugestão até conhecê-lo.

    • Eu apenas alteraria o comando do ataque, onde acredito muito que o Thalles ainda renderá bons $$$ ao Vasco. Tem 21 anos somente e sempre foi colocado meio de lado pelos nossos treinadores. Além dessa alteração, penso que dificilmente o Guilherme Costa não estará entre os 11, quanto mais entre os 22, pois Cristovão gosta do estilo dele e suas atuações vêm agradando muito. A história dele, além disto, mostra muita vascainidade e não se compreende porque ficou tanto tempo encostado.
      De todo modo, o mais importante de suas escalações/listas é que ali se encontram 9 + Guilherme Costa(certamente vc se esqueceu de relacioná-lo) = 10 de 23 jogadores oriundos das categorias de base. Melhor ir aproveitando os pequenos vascaínos do que trazer jogadores meia-boca.
      Sds Vascaínas,

Responder