Início Futebol Vasco empata com a Chapecoense por 1 a 1 em São Januário

Vasco empata com a Chapecoense por 1 a 1 em São Januário

0
Em sua última partida com portões fechados em São Januário, o Vasco da Gama apresentou um grande futebol e criou boas chances, em especial no primeiro tempo, mas não conseguiu somar mais três pontos no Campeonato Brasileiro. Na tarde deste sábado (30/09), Cruzmaltino empatou com a Chapecoense em 1 a 1. 

Com o resultado obtido em casa, o Gigante da Colina chegou aos 33 pontos e se manteve na nona colocação da competição nacional. O Almirante, porém, pode perder três posições na tabela caso Atlético Mineiro, Fluminense e Sport vençam os seus jogos. O próximo compromisso vascaíno será a partida contra o Avaí, no próximo dia 11 de outubro, às 21h45, na Ressacada, em Florianópolis.

 
O JOGO
 
image
Mateus Vital puxa jogada de ataque do Gigante da Colina

Sob os gritos de sua torcida, que marcou presença em grande número no lado de fora de São Januário, o Vasco partiu para cima da Chapecoense nos minutos iniciais do duelo. Logo aos dois minutos, Wellington recebeu de Nenê e serviu Yago Pikachu, que finalizou para grande defesa de Jandrei. Em seguida, Nenê cobrou escanteio, Breno desviou e Andrés Ríos mandou para fora. Outra boa investida vascaína ocorreu aos oito, quando Mateus Vital tabelou com Nenê e lançou Wellington. O camisa 7 acabou chutando para fora.

Recuada, a Chapecoense só chegou pela primeira vez aos 24 minutos. Na ocasião, Jandrei lançou na direção da pequena área e encontrou Arthur, mas Martín Silva se antecipou ao atacante adversário e afastou o perigo. A sequência da jogada  terminou da melhor maneira possível para o Gigante da Colina. Wellington acionou Madson e o viu dar um passe açucarado para Andrés Ríos balançar as redes e inaugurar o marcador em São Januário: VASCO 1 x 0. A equipe de São Januário não mudou de postura após o gol. 

image
Andrés Ríos toca na saída de Jandrei para abrir o placar

Aos 31, Madson escapou pela direita e cruzou na cabeça de Yago Pikachu, que testou para grande defesa de Jandrei. Logo depois, Mateus Vital lançou a bola para área e Jean, mesmo sem marcação, mandou para fora. A Chapecoense cresceu na reta final e desperdiçou boas oportunidades. Aos 35, o Vasco se enrolou na saída e a bola sobrou para Wellington Paulista. Mesmo com o gol aberto, o camisa 9 não balançou as redes. Três minutos depois, Arthur arrematou e Martín desviou para escanteio.

O início de segundo tempo foi bastante equilibrado, com boas investidas das duas equipes. Aos nove minutos, Nenê recebeu de Andrés Ríos e finalizou para fácil defesa de Jandrei. Logo na sequência, com 11, Nenê foi lançado por Yago Pikachu e tocou por cima do goleiro, na direção de Andrés Ríos. O argentino testou na direção da meta, porém Douglas Grolli, em cima da linha, evitou o segundo gol. A Chapecoense cresceu na partida e, após obrigar Martín a fazer duas excepcionais intervenções, chegou ao empate aos 19, com Reinaldo: Chapecoense 1 x 1.

image
Ramon é cercado por três marcadores da Chapecoense

O Cruzmaltino não se abalou, muito pelo contrário, se lançou ao ataque buscando recuperar a vantagem no marcador. Aos 21, Mateus Vital recebeu de Nenê e tocou de letra para Ramon, que pegou de primeira e viu Jandrei fazer uma espetacular defesa. Aos 28, em rápida jogada de contra-ataque, Penilla ficou no mano com Wellington, cortou para dentro e chutou em cima de Martín Silva. Nos minutos seguintes, o Vasco tentou de todas as formas chegar ao segundo gol, mas não conseguiu furar o bloqueio do adversário.

FICHA TÉCNICA:
VASCO DA GAMA 1 x 1 CHAPECOENSE
Campeonato Brasileiro- 26ª Rodada
 
Data/Horário: 30/09/2017, 16h00
Local: São Januário, Rio de Janeiro (RJ)
Árbitro: Wilton Pereira Sampaio (GO/FIFA)
Auxiliares: Bruno Raphael Pires (GO/CBF) e Leone Carvalho Rocha (GO/CBF)
Cartões amarelos: Jean, Breno e Thalles (Vasco da Gama)
Gols: Andrés Ríos, 25/1T (Vasco da Gama); Reinaldo, 19/2T (Chapecoense).
 
VASCO: Martín Silva, Madson (Manga), Breno, Anderson Martins e Ramon; Jean (Evander), Wellington, Yago Pikachu, Mateus Vital e Nenê; Andrés Ríos (Thalles). Treinador: Zé Ricardo.
 
CHAPECOENSE: Jandrei, Apodi, Douglas Grolli, Fabrício Bruno e Reinaldo; Moisés Ribeiro, Elicarlos (Dodô) e Lucas Mineiro; Arthur, Wellington Paulista (Tulio de Melo) e Alan Ruschel (Penilla). Treinador:Emerson Cris.

image
Evander voltou a ser utilizado na equipe profissional- Fotos: Carlos Gregório Jr/Vasco.com.br
 
Fonte: Site CRVG