Início Recordar é Viver Conquista da Copa Myrurgia completa 86 anos

Conquista da Copa Myrurgia completa 86 anos

2

No dia de 29 de junho de 1931, o Club de Regatas Vasco da Gama entrava em campo mais uma vez para enfrentar o Futbol Club Barcelona. Os clubes estavam disputando, no total de dois encontros amistosos, a posse da Copa Myrurgia, uma bela peça de prata que fora doada pela Perfumería Myrurgia, tradicional empresa catalã do ramo da perfumaria.

image

Mundo Deportivo
, 21 de junho de 1931

O Vasco fazia uma excursão internacional, a primeira das 71 viagens para fora do país que já fez em sua história. O Clube visitava o continente europeu, especificamente, Portugal e Espanha. Após uma cansativa viagem transcontinental abordo do S.S. Arlanza, o Vasco mediu forças pela primeira vez com a equipe do Barcelona no dia 28 de junho de 1931, no estádio Les Corts. Apesar do excelente desempenho, acabou sendo vencido a três minutos do fim, pelo placar de 3 a 2. Entretanto, a imprensa espanhola elogiou o estilo de jogo dos vascaínos, especialmente, do médio-volante Fausto, que acabaria sendo contratado pelo clube catalão junto com o goleiro Jaguaré.

image
Delegação vascaína a bordo do transatlântico S.S. Arlanza

Na partida que “valia a taça”, no mesmo estádio barcelonista, a equipe vascaína deu o troco, conseguindo sobrepujar o Barcelona pelo placar de 2 a 1. Com o resultado, o Gigante da Colina venceu pela primeira vez um clube europeu e, no Velho Continente, obteve a sua primeira vitória fora do Brasil. 

image
Lance da partida Vasco 2×1 Barcelona – Campeão da Copa Myrurgia


image
Outro lance da partida Vasco 2×1 Barcelona – Campeão da Copa Myrurgia

O equilíbrio total entre as equipes, com empate em número vitórias (uma para cada lado) e a igualdade no número de gols marcados e sofridos (4 a 4), fez com que a Copa Myrurgia fosse entregue ao Vasco. Naquele período, era comum o troféu em disputa ser entregue ao clube visitante, quando ocorriam empates desse gênero.

image
Troca de gentilezas entre Samitier e Russinho, respectivamente, o capitão do Barcelona e o capitão do Vasco
 
Vê-se a Copa Myrurgia, no lado esquerdo da imagem

image
Primeiro gol do Vasco no segundo jogo entre as equipes, marcado por Carvalho Leite aos cinco minutos do 2º tempo

FICHA TÉCNICA (PRIMEIRA PARTIDA)
Partida: Club de Regatas Vasco da Gama 2×3 Futbol Club Barcelona
Data: 28 de junho de 1931 – (Domingo)
Local: Les Cort – (Barcelona/ESP)
CR VASCO DA GAMA:
Jaguaré, Brilhante e Itália; Tinoco, Fausto e Mola; Baianinho, Nilo, Leito, Russinho e Mário Mattos. 
FC BARCELONA:
Uriach (Montserrat), Zabalo e Más; Martí, Guzmán e Arnau, Piera, Goiburu, Samitier, Sastre e Sagi.
Gols: Russinho, Carvalho Leite, Samitier (BAR), Goiburu (BAR), Piera (BAR).  
Árbitro: Llovera.

 

FICHA TÉCNICA (SEGUNDA PARTIDA)

Club de Regatas Vasco da Gama 2×1 Futbol Club Barcelona
Data: 29 de junho de 1931 – (Segunda-feira)
Local: Les Corts – (Barcelona/ESP)
CR VASCO DA GAMA:
Jaguaré, Brilhante e Itália; Tinoco, Fausto e Mola; Baianinho, Benedicto, Santana, Russinho e Carvalho Leite.
FC BARCELONA:
Zamora, Zobalo e Más; Marti, Gusmán e Castillo; Piera, Goiburu, Samitier, Sastre e Pedrol.
Gols:
2º Tempo – Carvalho Leite (5’), Russinho e Samitier (BAR).
Árbitro: Guillermo Comorera.

image

Súmula oficial do jogo produzida pelo FC Barcelona

  
image
O troféu Copa Myrurgia

Foto: Paulo Fernandes

Fonte: Site Oficial

2 comentários

Responder